Obra de voluntários determinados – Episódio 14

GINÁSIO DE ESPORTES

“A cada pequeno evento que eu lembrar ou for lembrado, vou repartindo esta experiência com você.”

Como mencionei no episódio anterior, a construção desse Ginásio de Esportes do Clube Ermirio de Moraes, situado na Fábrica de Cimento Rio Branco (Rio Branco do Sul – PR) e pertencente à Votorantim Cimentos, proporcionou inúmeros eventos memoraveis. Vou contar um deles.

O Eng.Paulo Henrique de Ataide que era o Chefe de Departamento de Produção da mineração e eu que tinha o mesmo cargo na manutenção, tínhamos muitos recursos que podíamos lançar mão, para uma série de atividades que envolviam mão de obra voluntária, com total aval do nosso diretor Eng.Luiz Vilar de Carvalho.

Num sábado de muito frio, bem cedinho, havíamos convocado um número grande de companheiros, para abrir uma picada num bosque de pinus e fazer uma valeta para enterrar um cabo de alta tensão para termos energia de graça no Ginásio. Imaginávamos que iríamos levar vários finais de semana, mas o grande número de voluntários e o empenho de cada um proporcionou que a atividade fosse realizada em um dia.

Um dos melhores bolinhos da graxa que já comi na minha vida, foi o que um de nossos amigos voluntários nos trouxe na hora do almoço. Uns tomaram com café, outros com água. Assim mesmo, foram divinos.

Algumas perguntas ficam no ar:

  • Alguma vez liderou um processo em torno de um projeto de voluntariado em sua empresa, que trouxesse benefícios permanentes para todos os colaboradores? Caso afirmativo, poderia repartir conosco e proporcionar a mais gestores, ganhos através de sua experiência de sucesso?
  • Que fazer para que atitude como essa possa ser um hábito e não exceção?
  • Continuamos amanhã com mais um episódio!