Ouvir e dar voz ao cliente interno

VIRANDO A PRÓPRIA MESA – Episódio 17

Virando a própria mesa: Ricardo Semler

Ouvir e dar voz ao cliente interno

Como de costume, vou transcrever algumas frases escolhidas do livro de nosso guru Ricardo Semler, para discutir com você caro leitor:

  • É covardia tirar operários sem treinamento adequado e colocá-los numa sala com os tubarões da empresa, para fazê-los sentirem-se participantes da gestão. Demagogia é privilégio de político – pág.144
    • Quase nem preciso comentar, pois essa é uma ATITUDE TOTALMENTE IMBECIL.
  • Não existe envolvimento enquanto a hierarquia da pirâmide não se comunica – pág. 144
    • Aqui merece acrescentar alguns comentários e alguns questionamentos. Costumeiramente, vai ao chão de fábrica? Conhece todos ou pelo menos a maioria dos seus colaboradores? Dá espaço para o diálogo ou isso só acontece em momentos críticos? Conhece o que é GANA – Gerenciar Andando Na Área? Poderíamos fazer dezenas de questionamentos, mas tenho a convicção que pode fazer isso sozinho. Se precisar de nossa ajuda, nos contate para estabelecermos os critérios para que isto ocorra, É uma ferramenta importante de gestão participativa.
  • As comissões de fábrica são veículos legítimos e necessários aos funcionários. O diálogo com eles é essencial – pág. 145.
    • Esse é um ponto polêmico se o objetivo for o de uma Gestão Participativa. Existem outros meios muito melhores, mas disso falaremos amanhã.